Equipes de Alta Performance III

Olá, vamos continuar nosso bate papo sobre líderes de equipes de alta performance.

Ontem falamos de um líder na área esportiva, o Bernardinho.

Vamos falar hoje de um líder na área de empreendedorismo. Estou falando do Abilio Diniz.

Uma pessoa que passou por tudo o que ele passou na vida não pode ser esquecido em nossos artigos. Foi um filho que trabalhou sempre árduamente ao lado de seu pai, na fundação da primeira empresa da família. Foi um empreendedor que sempre teve uma visão futurista de seus negócios, nunca focando resultados em seu beneficio pessoal, mas sim no beneficio do grupo diretivo a que fazia (e faz) parte, assim como no beneficio das pessoas que trabalham com ele.

Um homem que passou por um sequestro que comoveu o país. Eu era estudante de jornalismo e pude acompanhar o sequestro desde o ponto de vista de um cidadão comum como com o ponto de vista de alguém que um dia poderia estar lá, relatando o acontecimento, comentando os fatos tentando dar ao mesmo a emoção de cada ação dos policiais, das autoridades da cidade e das autoridades religiosas.

Um pessoa que soube vencer todos os seus desafios com integridade e muito trabalho dedicado e cheio de objetivos claros e bem desenhados. E é ai que eu quero chegar.

Você quer ser um líder de equipes de alta perforamance? Então tenha em mente que você precisa ter a capacidade de dar empowerment na medida certa a cada um de seus colaboradores, de acordo às suas responsabilidades em suas funções.

  Empowerment siginifica dar autoridade aos membros de sua equipe e motivar cada um deles a tomar decisões adequadas dentro de suas funções.

  Kirkman and Rosen (2000) estudaram 100 equipes e concluíram que diretamente associada ao máximo desempenho das equipes está a sensação de “empowerment”.

Abilio Diniz vai além de permitir que seus colaboradores tenham essa sensação. Ele os incentiva a colocar em prática sua capacidade de dirigir seu trabalho adequadamente.

Agora, para quem leu seus livros, fica claro que ele tem suas regras e procedimentos muito bem definidos e publicados em tabelas, documentos, atas de reuniões, etc. Nada fica no achismo. Nada é mal entendido ou mal compreendido.

Tudo é escrito de forma a deixar claro o que a empresa espera e precisa de cada um de seus colaboradores, divisão por divisão, liderança por liderança e equipe por equipe.

Tudo é detalhado a um nível de compreensão que fica dificil alguém dizer que não sabia o que era e para o que era que algo deveria ser feito.

Faça isso na sua empresa. Analise sua estratégia, faça um planejamento estratégico de 5, 3 e 1 ano. Especifique o que você espera alcançar (e como) e delegue aos seus líderes a função de preparar os seus planejamentos táticos e operacionais. Peça para que lhe apresentem suas idéias sempre acompanhadas do real impacto financeiro (em investimentos e retornos) e ao final, peça para que cada um defina e detalhe as ações a serem tomadas.

Não se esqueça de definir os prazos para cumprir cada função, nem mesme de definir em que tempo vocês irão avaliar os resultados.

E lembre-se, uma equipe de alta performance não é formada de pessoas que fazem tudo de um todo. É a união de capacidades que se completam em pról de um objetivo comum.

Até a próxima

Purcino

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: